29.12.14

Capitulo 22

Aqui está! Mais p vcs... To muuuuuuuito feliz com os comentarios! Comentem para o próximo! Beikos, amo vcs ♡
Bruna.

~

DEMI

Joe estava tão bêbado que foi esbarrando nas coisas até que o levei para meu quarto minúsculo, onde só cabia uma cama de solteiro e um guarda-roupa. Fechei a porta, fazendo o possível para não acordar minha mãe e irmã, já ligando o ventilador de teto. Ele olhou em volta e piscou.

- Não vou caber nessa caminha.

- Vai, sim. – Puxei-o, sem poder deixar de sorrir. Nunca imaginei que o veria assim, se acabando daquele jeito. Além de sambar, tinha até rebolado! Eu ri com a cena. Bem que tinha que avisado que era duro e desengonçado. Parecia um bonecão, batendo os braços compridos. Ri de novo, sem aguentar.

- Tá rindo de quê? – Joe caiu sentado na beira da cama. – De mim?

Fitei-o. Era lindo demais, másculo e eu o amava tanto que doía. Fui para o meio de suas pernas e acariciei seu cabelo, beijando suavemente seus lábios.

- Nunca de você. Para você. Por que estou feliz, Joe.

- É? – Esfregou o rosto na minha barriga, suas mãos subindo até o alto da blusa tomara-que-caia e descendo-a até minha cintura. Fitou meus seios nus, seu semblante carregado, dizendo perto de um mamilo: - Quis fazer isso a noite toda.

Eu arfei, muito excitada, quando meteu um mamilo na boca e chupou com vontade, duramente. Agarrei seu cabelo, gemendo baixinho. Joe já tirava minha blusa com saia e tudo, puxando também a calcinha para baixo. Eu o ajudei, livrando-me da sandália até ficar nua. E então arranquei sua camisa.

Suas mãos e sua boca estavam em mim, sôfregas, quentes. Murmurou rouco:

- Estou louco por você, Demi ...

- E eu por você. – Abri sua calça, puxei-a. Ele me ajudou, ainda bem tonto, mas excitado.

Tirei também a cueca, maravilhada com sua beleza e virilidade, cheia de saudade e tesão.

Inclinei-me sobre ele, beijando seu peito, sua barriga, segurando com firmeza aquele pau grande e lindo, acariciando-o enquanto era consumida pela lascívia. Joe desceu a mão por minha bunda, abrindo-a, seus dedos acariciando minha vulva molhada, gemendo rouco ao sentir que já estava preparada para ele.

- Porra, queria te chupar todinha, mas não vai dar ... Preciso meter em você, Demi ...

Eu sentia a mesma urgência e desespero. Quando me pegou e jogou na cama de bruços, eu gemi ao senti-lo já atrás de mim, lambendo minhas costas, subindo até minha nuca, seu pau duro e grosso esfregando em minha bunda.

- Não posso esperar ... – Disse agitado, seu pau abrindo caminho até meus lábios vaginais inchados e latejantes. Eu também arfava, fora de mim, tremendo de ansiedade.

- Vem, Joe ... – Supliquei.

E então ele me penetrou duro, com força, entrando apertado em minha vulva melada. Mordi os lábios para não gritar de tanto tesão, enquanto se apoiava nos braços musculosos e me

fodia violentamente.

- Ah, que gostosa ... Meu Deus, Demi ... – Meteu mais, tirando e entrando, seu pau me deixando toda cheia, enquanto eu me sacudia e me empinava para ter todo ele, alucinada, perdida na luxúria.

Joe deitou-se em cima de mim, estocando duro, mordiscando minha orelha e sussurrando rouco:

- Você é a única mulher que eu quero ... A única. Vai ser minha pra sempre. Minha.

- Sim ... Ah, meu amor ... Que delícia ...

Parecia ainda mais intenso, descontrolado. Eu o sentia com perfeição deslizando, entrando, empurrando meu útero, se agasalhando em meu ventre. Choraminguei, sabendo que não aguentaria muito, meu clitóris duro e inchado roçando na cama, seu pau sem piedade me fodendo devassamente.

- Joe, eu ... Eu vou gozar ...

- Goze.

E explodi num orgasmo longo e ardente, que pareceu me suspender, girar e derrubar, ondulando, gemendo, me entregando. Ele gemeu rouco também, fora de si, inundando-me por dentro com seu esperma quente, se tornando mais e mais potente, mordendo meu ombro, dizendo palavras desconexas. Até que ambos desabamos, satisfeitos, saciados, suados.

Mesmo a cama sendo de solteiro, me virei e o abracei. Joe me puxou para seus braços. Ficamos quietos, até que pegamos em um sono profundo, dopados pelo álcool, pelo prazer e pela felicidade.

10 comentários:

  1. Aaaaaah perfeito posta mais...por favor

    ResponderExcluir
  2. Deus, me ajude a sobreviver posta mais

    ResponderExcluir
  3. PAAAARA TUDO..! O.O Acho que eles esqueceram um pequeno detalhe u.u TRETAAAA... LOL.
    E que capìtulo, sem or!
    Posta maiss...
    xoxo.

    ResponderExcluir
  4. ELES NÃO USARAM CAMISINHA!!!!!!!!!
    MEU DEUS!! ESTOU MORTA!!!!!

    ResponderExcluir
  5. VAI DAR B.O. JÁ VI TUDOOOO POSTA MAISSS

    ResponderExcluir
  6. Que fogo é esse? Esqueceram até da camisinha kkkkkk vai ser uma treta atras da outra kkkkkkk continua.......

    ResponderExcluir
  7. Posta logo essa historia e ótima !!!!

    ResponderExcluir
  8. Aí meu deus, eles usaram camisinha # bapho
    Vai rola mta treta
    CONTINUA

    -Nathalia -

    ResponderExcluir
  9. Cap perfeito!
    Posta logo
    Beijos e eu amo você! ♥

    ResponderExcluir